PARÓQUIA SÃO JOSÉ

Rua Nilo Peçanha, 320 - Estrela do Norte - São Gonçalo - RJ / Tel: 2712-2547

16/4/12

EXPOSIÇÃO SANTO SUDÁRIO NO RIO

ATENÇÃO

Desde o dia 23 de março a exposição “Quem é o homem do Sudário?” está instalada no Via Parque Shopping, na Barra da Tijuca. Objetos como o fac-símile do Sudário produzido em Turim; a reconstituição artística do Homem do Sudário; o holograma em tamanho natural da imagem, produzido pelo cientista holandês Petrus Soons; réplicas dos flagelos; coroa de espinhos; lança e pregos produzidos em Israel, estão expostos no Rio até o dia 6 de maio para a visitação do público.

Além dos objetos, a exposição conta também com ilustrações de painéis, vídeos e infográficos que explicam, de forma dinâmica, o que cada estudo descobriu sobre o tema. Missas também estão sendo celebradas no espaço durante todos os dias, às 19h.

A exposição está sendo realizada das 10h às 22h, no 2º piso do Via Parque Shopping, que fica na Avenida Ayrton Senna, 3.000, na Barra. Informações pelo telefone 2430-5100.


criado por alexandreadaltur    23:44:51 — Arquivado em: Sem categoria

OS PREPARATIVOS DA SEMANA MISSIONÁRIA

Tem muita gente pensando e trabalhando para que a Semana Missionária - dias que antecedem a Jornada Mundial da Juventude no Rio de Janeiro em 2013 - desperte no coração da juventude e de toda a Igreja no Brasil a realidade que inspirou o Documento de Aparecida: somos “Discípulos Missionários”.

Nesta semana, os assessores das Comissões Episcopais Pastorais: da Juventude, Ecumenismo, Ministérios Ordenados, Caridade Justiça e Paz, Educação e Cultura, representantes dos Salesianos, Regnum Christi e das Pontifícias Obras Missionárias, se reuniram para debater e planejar as atividades que serão propostas para as dioceses, em todo o país, vivenciarem com os jovens brasileiros e peregrinos estrangeiros, nesta Semana Missionária.

A finalidade desta programação é revelar a identidade eclesial da juventude, redescobrir seu valor e sua força evangelizadora, tão essencial para a Vida e Missão da Igreja, os frutos que se esperam são concretos e duradouros dentro desta dimensão. O foco da programação é atingir a todos: brasileiros e estrangeiros, para que se envolvam em atividades missionárias, culturais, ação social, tudo à Luz do tema da JMJ Rio 2013 “Ide e fazei discípulos todos os povos”.

A corrida é contra o tempo para finalizar a programação, a fim de que este material chegue às Dioceses do Brasil e seja uma base, uma direção para tudo que será realizado nestes dias da Semana Missionária, obviamente dentro da realidade de casa Igreja particular.

Que o clima da Jornada Mundial da Juventude invada o coração de todos nós, não apenas da juventude, a fim de que desde o dia 17 de julho, quando começa a Semana Missionária até o dia 28 de julho no encerramento da JMJ Rio 2013 tenhamos um país verdadeiramente Discípulo Missionário de Cristo Jesus.

FONTE: www.cnbb.org.br

criado por alexandreadaltur    09:00:13 — Arquivado em: Sem categoria

15/4/12

HOMILIA DE DOMINGO

“Muitos que se dizem católicos se deixam levar por uma fé supersticiosa, buscando soluções dos seus problemas em horóscopo, cartomantes, jogo de búzios e etc…Mas a verdadeira fé está em Jesus que morreu na cruz por nós e ressuscitou!”

“A verdadeira confissão tem que ter a matéria (pecado) e a fórmula (absolvição do Padre)”

“O próprio Jesus nos diz: “Sem mim nada podeis fazer.” É preciso confiar na Misericórdia do Senhor!”

Trechos da Homilia de Domingo dia 15/04/2012 do Padre José Carlos

criado por alexandreadaltur    23:50:25 — Arquivado em: Sem categoria

PEREGRINAÇÃO AO CRISTO REDENTOR

Pouqussimas Vagas!

Pouquíssimas Vagas!

criado por alexandreadaltur    06:00:23 — Arquivado em: Sem categoria

14/4/12

A FESTA DA DIVINA MISERICÓRDIA

Dom Orani João Tempesta
Arcebispo do Rio de Janeiro (RJ)

O segundo domingo da Páscoa, que encerra a oitava da Páscoa, foi escolhido pelo Papa João Paulo II como um dia mundialmente dedicado e consagrado à Divina Misericórdia. Escolha que deseja tornar conhecido em todo o mundo este atributo máximo de Deus mesmo, que se derrama em amor e misericórdia a toda a humanidade.

Aqui em nossa Arquidiocese essa Festa é marcada por celebrações com muita participação popular na Catedral Metropolitana. Recorda-me que iniciei o meu serviço aqui nesta Igreja exatamente nessa festa dominical, e tive a oportunidade de, mais tarde, criar o Santuário da Divina Misericórdia na paróquia do mesmo nome, em Vila Valqueire.

A origem desta festa se encontra nas inspirações particulares da mística Santa Faustina, que recebeu o dom de ser canal para que a Misericórdia Divina pudesse ser reconhecida em todos os cantos e recantos do mundo. Santa Faustina nasceu em 25 de agosto de 1905, na Polônia, sendo a terceira de dez filhos de uma pobre família de aldeões na cidade de Glogowiec. Seu nome de batismo era Helena e sempre se destacou, desde a infância, pela piedade, amor à oração e obediência, sem contar na extrema atenção dedicada às misérias humanas que presenciava. Sentia, desde pequena, o desejo de ingressar na vida religiosa, mas não encontrou ninguém que a pudesse orientar. À medida que foi amadurecendo o seu discernimento, começou a buscar o ingresso em várias comunidades religiosas e foi rejeitada em todas elas. Somente em agosto de 1925 é que ela conheceu a Congregação das Irmãs da Divina Misericórdia, onde foi aceita. Passou a maior parte de sua vida na Polônia e recebeu da Congregação o nome de Irmã Maria Faustina.

Santa Faustina é hoje considerada uma grande mística da Igreja Católica. Sua vida está narrada por ela mesma em uma autobiografia, no livro “Diário Espiritual”, onde ela escreve suas experiências místicas. Vale ressaltar que Irmã Faustina não pretendia escrever esse diário, mas o fez em obediência a seu diretor espiritual, que lhe pediu que o fizesse. A finalidade das revelações de Santa Faustina é clara desde o princípio: tornar conhecida a misericórdia do Senhor em todo o mundo.

Espiritualidade legitimamente confirmada e fundada nas Sagradas Escrituras, que nos sugere: “Sede misericordiosos como também vosso Pai é misericordioso” (Lc 6,36). Santa Faustina foi canonizada pelo Beato Papa João Paulo II em 30 de abril do ano santo da redenção de 2000.

Vários elementos desta devoção estão espalhados e conhecidos em toda a Igreja: o terço da Divina Misericórdia, a contemplação da Imagem de Jesus Misericordioso, a festa da Divina misericórdia (no segundo domingo da Páscoa), a novena à Divina Misericórdia, e a oração das três da tarde, hora dedicada à grande misericórdia de Deus, que se oferece por todos no santo sacrifício da Cruz. A devoção ainda busca reafirmar e fortalecer o inestimável e inesgotável valor dos sacramentos da Eucaristia e da Reconciliação.

O Papa João Paulo II, em 17 de agosto de 2002, visitou o Santuário da Divina Misericórdia, em Cracóvia, na Polônia. Na ocasião, ele realizou o Ato Solene de entrega do destino do mundo à Divina Misericórdia. Em sua homilia o Pontífice Romano ressalta a idéia de que a misericórdia Divina é o “atributo máximo de Deus onipotente”, e reafirma, usando as palavras da Santa, que a Misericórdia Divina, é “a doce esperança para o homem pecador”. (Diário, 951)

A oferta de vida de Santa Faustina em suas dores, associada à paixão de Nosso Senhor, fonte inesgotável de amor e misericórdia, tinha um tríplice objetivo, a saber: que a obra de misericórdia se difundisse por todo o mundo e sua festa fosse aprovada e comemorada; para que os pecadores pudessem recorrer à misericórdia e experimentar seus inefáveis efeitos, e para que toda a obra de misericórdia fosse executada de acordo com o desejo do próprio Senhor.

As virtudes da humildade (atitude do homem diante da imerecida eleição divina em Cristo), a pureza (transparências nas atitudes) e o amor (oferecer tudo de si ao outro) são incentivadas e vividas na mística da misericórdia. Manifestam a capacidade de amor que Deus depositou no homem como a mais profunda oferta de si em favor de toda a humanidade. A devoção à Divina Misericórdia, de cunho cristocêntrico e trinitário quer deixar sempre mais clarividente a espiritualidade que parte de Jesus em direção ao coração humano: “Apenas Jesus é meu estímulo para o amor ao próximo.” (Diário 871)

A comunicação de Deus e de sua vontade a seu povo sempre foi uma experiência presente ao longo da história da salvação. A carta aos Hebreus nos afirma que “Deus falou de muitos modos e maneiras ao seu povo: por meio dos profetas, aos nossos pais, e, recentemente, por meio de seu Filho Jesus Cristo, constituído herdeiro de tudo.” (cf. Hb 1, 1-2). A espiritualidade de Irmã Faustina quer ainda reforçar sempre mais a certeza de que Deus é amor e misericórdia, de que Deus ama o ser humano, de que Deus se comunica (revela) em sua infinita misericórdia e nos convida a nela mergulharmos; de que Deus rejeita o pecado, mas acolhe e se faz próximo do pecador, comunicando-lhe sua graça e seu amor, portanto, seu ser mesmo.

Que a festa da Misericórdia Divina seja para nós um encontro com o Deus Uno e Trino, que é amor, e deseja nos levar ao amor. Que o mundo sedento deste amor possa se dobrar ao amor de Deus e acolher seus mais generosos benefícios.
Supliquemos a Jesus Misericordioso que desperte, mesmo nos corações mais endurecidos, a confiança Nele, e com Santa Faustina possamos rezar: “Jesus, eu confio em vós”. Com o coração desejoso de estar sempre meditando o amor misericordioso de nosso Deus, façamos juntos a consagração do destino do mundo à misericórdia Divina, rezada por João Paulo II, no santuário da Divina Misericórdia: “Deus, Pai Misericordioso que revelaste o Teu amor no Teu Filho Jesus Cristo e o derramaste sobre nós, no Espírito Santo, consolador, confiamos-Te hoje o destino do mundo e de cada homem. Inclina-te sobre nós, pecadores, e cura a nossa debilidade. Vence o mal; faz com que todos os habitantes da Terra conheçam a Tua misericórdia para que em Ti, Deus Uno e Trino, encontrem sempre a esperança. Pai eterno, pela dolorosa Paixão e Ressurreição de Teu Filho tende misericórdia de nós e do mundo inteiro. Amém.

Neste mundo tão duro e com tantas situações de morte sendo impingidas ao povo brasileiro, celebrar a misericórdia é uma ótima oportunidade de anunciarmos a todos a alegria da presença do Ressuscitado entre nós.

Que também nós sejamos misericordiosos e que levemos a misericórdia de Deus para todos, principalmente para a juventude, para que encontre o caminho da justiça, da paz e do seguimento do Cristo Redentor, distribuidor da vida e da paz!

criado por alexandreadaltur    09:00:07 — Arquivado em: Sem categoria

NOTA OFICIAL CNBB

A Conferência Nacional dos bispos do Brasil, logo após a conclusão do julgamento do Supremo Tribunal Federal sobre a Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental nº 54, emitiu nota oficial  lamentando a decisão. No texto, os bispos afirmam que “Legalizar o aborto de fetos com anencefalia, erroneamente diagnosticados como mortos cerebrais, é descartar um ser humano frágil e indefeso”.

Leia a integra da Nota:

Nota da CNBB sobre o aborto de Feto “Anencefálico”

Referente ao julgamento do Supremo Tribunal Federal sobre a Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental nº 54

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB lamenta profundamente a decisão do Supremo Tribunal Federal que descriminalizou o aborto de feto com anencefalia ao julgar favorável a Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental n. 54. Com esta decisão, a Suprema Corte parece não ter levado em conta a prerrogativa do Congresso Nacional cuja responsabilidade última é legislar.

Os princípios da “inviolabilidade do direito à vida”, da “dignidade da pessoa humana” e da promoção do bem de todos, sem qualquer forma de discriminação (cf. art. 5°, caput; 1°, III e 3°, IV, Constituição Federal), referem-se tanto à mulher quanto aos fetos anencefálicos. Quando a vida não é respeitada, todos os outros direitos são menosprezados, e rompem-se as relações mais profundas.

Legalizar o aborto de fetos com anencefalia, erroneamente diagnosticados como mortos cerebrais, é descartar um ser humano frágil e indefeso. A ética que proíbe a eliminação de um ser humano inocente, não aceita exceções. Os fetos anencefálicos, como todos os seres inocentes e frágeis, não podem ser descartados e nem ter seus direitos fundamentais vilipendiados!

A gestação de uma criança com anencefalia é um drama para a família, especialmente para a mãe. Considerar que o aborto é a melhor opção para a mulher, além de negar o direito inviolável do nascituro, ignora as consequências psicológicas negativas para a mãe.   Estado e a sociedade devem oferecer à gestante amparo e proteção.

Ao defender o direito à vida dos anencefálicos, a Igreja se fundamenta numa visão antropológica do ser humano, baseando-se em argumentos teológicos éticos, científicos e jurídicos. Exclui-se, portanto, qualquer argumentação que afirme tratar-se de ingerência da religião no Estado laico. A participação efetiva na defesa e na promoção da dignidade e liberdade humanas deve ser legitimamente assegurada também à Igreja.

A Páscoa de Jesus que comemora a vitória da vida sobre a morte, nos inspira a reafirmar com convicção que a vida humana é sagrada e sua dignidade inviolável.

Nossa Senhora Aparecida, Padroeira do Brasil, nos ajude em nossa missão de fazer ecoar a Palavra de Deus: “Escolhe, pois, a vida” (Dt 30,19).

Cardeal Raymundo Damasceno Assis

Arcebispo de Aparecida

Presidente da CNBB

Leonardo Ulrich Steiner

Bispo Auxiliar de Brasília

Secretário Geral da CNBB

criado por alexandreadaltur    08:32:59 — Arquivado em: Sem categoria

12/4/12

O PLACAR É DESFAVORÁVEL A VIDA

Com o voto do ministro Ayres Britto nesta quinta (12), a maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) já se manifestou, mesmo antes do final do julgamento, favorável à permissão do aborto de feto sem cérebro.

Relator da ação, proposta em 2004 pela Confederação Nacional dos Trabalhadores na Saúde, o ministro Marco Aurélio Mello votou a favor da descriminalização do aborto de fetos sem cérebro. O ministro defendeu que é inconstitucional a interpretação segundo a qual interromper a gravidez de feto anencéfalo é crime previsto no Código Penal. Os ministros Rosa Weber, Joaquim Barbosa, Luiz Fux, Cármen Lúcia, Ayres Britto e Gilmar Mendes acompanharam o relator. Ricardo Lewandowski votou contra a liberação.

Faltam dois ministros para votar: Celso de Mello e Cezar Peluso. O ministro Dias Toffoli se declarou impedido de participar do julgamento por ter participado do processo enquanto era advogado-geral da União e ter emitido parecer a favor da legalidade da interrupção da gravidez nos casos de fetos sem cérebro.

Ricardo Lewandowski foi o único a votar contra

Ricardo Lewandowski foi o único a votar contra

Fonte: g1.globo.com

Em agosto de 2008, por ocasião do primeiro julgamento do caso, a CNBB publicou uma nota que explicita a sua posição.

“A vida deve ser acolhida como dom e compromisso, mesmo que seu percurso natural seja, presumivelmente, breve. (…)Todos têm direito à vida. Nenhuma legislação jamais poderá tornar lícito um ato que é intrinsecamente ilícito. Portanto, diante da ética que proíbe a eliminação de um ser humano inocente, não se pode aceitar exceções. Os fetos anencefálicos não são descartáveis.  O aborto de feto com anencefalia é uma pena de morte decretada contra um ser humano frágil e indefeso. A Igreja, seguindo a lei natural e fiel aos ensinamentos de Jesus Cristo, que veio “para que todos tenham vida e vida em abundância” (Jo 10,10), insistentemente, pede,  que a vida seja respeitada e que se promovam políticas públicas voltadas para a eficaz prevenção dos males relativos à anencefalia e se dê o devido apoio às famílias que convivem com esta realidade”.

Dom Geraldo Lyrio Rocha - Arcebispo de Mariana - Presidente da CNBB

Dom Luiz Soares Vieira Arcebispo de Manaus – Vice Presidente da CNBB

Dom Dimas Lara Barbosa - Bispo Auxiliar do Rio de Janeiro - Secretário Geral da CNBB

Fonte: www.cnbbco.org.br

Viglia em frente ao STF

Vigília em frente ao STF

Independente do resultado nosso Deus será sempre o Deus da vida, e nós, católicos, seremos sempre incansáveis na luta a favor da vida.

criado por alexandreadaltur    17:19:53 — Arquivado em: Sem categoria

11/4/12

NA PORTA DO STF

A menina Vitória DE Cristo, hoje com 2 anos, que nasceu com ACRANIA, estava na porta do STF com seus pais, no protesto contra o ABORTO.

“Espero que crianças como a minha filha sejam reconhecidas como seres humanos muito especiais, que a sociedade reconheça que é preciso ter solidariedade com quem é mais fraco e que não queira eliminá-los” Disse a mãe da menina,

criado por alexandreadaltur    22:56:14 — Arquivado em: Sem categoria

29/3/12

STF VOTA ABORTO DE ANENCÉFALOS

Através do Site terra.com.br li um depoimento do médico docente em genética na Universidade de São Paulo (USP) e especialista em medicina fetal, Thomaz Rafael Gollop, que era bastante favorável ao aborto de anencefalos, mas me chamou a atenção um trecho que dizia:A ciência ainda não sabe explicar exatamente as causas da anencefalia. Gollop explica que ela é uma condição multifatorial, influenciada por fatores genéticos, ambientais, sazonais e geográficos. O médico disse ainda que há formas de prevenir pelo menos metade das ocorrências a partir da ingestão de ácido fólico (um tipo de vitamina B) dois meses antes e no primeiro mês da gestação.”

É assim que o governo age ao invés de prevenir ele simplesmente autoriza o aborto da vida que não é desejada, quem elimina a vida é um
assassino!
Hoje está em andamento no STF a votação do processo que pede o fim da criminalização do aborto de fetos anencéfalos e da condenação de médicos

que realizem a prática, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Marco Aurélio Mello, relator do processo já deu seu voto contra a criminalização, ou seja, a favor da morte. Em uma de suas falas em defesa da morte o ministro soltou a seguinte frase: “O embrião é um ser humano, ainda não é pessoa.”

O Cristão não pode se calar neste momento, pratiquemos nossa fé e vamos defender a Vida.


NOSSO DEUS É O DEUS DA VIDA!


Alexandre Muniz

criado por alexandreadaltur    13:03:03 — Arquivado em: Sem categoria
« Posts mais novos
Report abuse Close
Am I a spambot? yes definately
http://saojose.blog.terra.com.br
 
 
 
Thank you Close

Sua denúncia foi enviada.

Em breve estaremos processando seu chamado para tomar as providências necessárias. Esperamos que continue aproveitando o servio e siga participando do Terra Blog.